sexta-feira, 6 de novembro de 2015

Resenha: O Lado Feio Do Amor - Ugly Love

Título Original: Ugly Love
Autor (a): Collen Hover
Editora: Galera Record
Número de Páginas: 336



Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo... apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor.O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.

Bom pessoal lá vai eu de novo contar que li o livro em apenas um dia e meio. Só não terminei antes, porque vocês sabem precisei comer, dormir, respirar. Haha Eu sou a louca do livro eu sei. Um caso perdido já. rs Eu me interessei por essa leitura após ver uma resenha da Barbara Sá do blog Segredos Entre Amigas. Eu simplesmente vi sua resenha e pensei “eu necessito desse livro.” E hoje fiz uma maratona e consegui terminar de ler. Novamente a louca do livro ataca. Haha Foi o primeiro livro que li da autora e já me apaixonei. Casa comigo Colleen? Haha



Bom tudo começa quando Tate precisa ir morar com o irmão Corbin que é piloto e posso dizer super protetor. Sabe quando o seu irmão mais velho acha que é seu pai? Então. rs  Ela é uma enfermeira e está fazendo o seu mestrado e precisa ficar morando com seu irmão até arranjar um emprego. Preciso dizer que logo quando chega e encontra o cara no elevador eu já pensei “ é ele.” Só que Nops haha Chegando ao apartamento do irmão dá de cara com um cara bêbado na porta. Claro como qualquer pessoa normal bate aquele pânico do momento de “ tem um cara bêbado na minha porta e agora.” E para completar não tinha como ela abrir a porta do apartamento sem o estranho cair dentro do próprio apartamento. Novamente o pânico. Haha  Nessa confusão toda de “boas-vindas” Tate não contava que o bêbado em questão, Miles era um dos melhores amigos do seu irmão e que ela teria que abrigar o bebum pela noite.



Passado o momento de constrangimento da noite anterior Tate já acorda com Miles o Deus grego parado na porta do seu quarto observando ela dormir com uma cara de poucos amigos. Eu tenho que dizer novamente pânico.  Tate é enfim devidamente apresentada ao Miles pelo irmão Corbin. E bom vocês já sentem aquele fogo instantâneo, ou seja, atração ali para dividir para mim para você para quem mais quiser. Haha

“Seus lábios contra os meus parece como tudo. Como viver e morrer e renascer, tudo ao mesmo tempo.”


O que nos leva a uma história de amor não tão comum como estamos acostumados a ver em todos os livros, claro que tudo tem aqueles momentos clichês, mas são essas partes que todos amam não tentem fingir ao contrário. O livro consegue te prender do começo ao fim, porque a história do passado do Miles e o motivo para ter deixado ele tão gélido e triste vai sendo contada aos poucos. Pensa no desespero. Você sente a necessidade de “comer” o livro, porque né, não descobrir o segredo não é opção.


“Não pergunte sobre o meu passado,” ele diz firmemente. “E nunca espere um futuro.”


Eu me apaixonei pelo Miles desde o primeiro momento, okay confesso segundo momento, porque ele bêbado. Não forço a barra. haha Ele não é aquela versão cafajeste de todo livro que se redime. Não ele é só um cara com sentimentos, sofrimentos como qualquer cara real. Ele é o mais real possível. Todavia o mundo não é feito de chocolate minha gente, portanto muitas vezes durante a leitura eu só queria bater nele por querer ser tão cego.


“O que você acha que levaria um homem nunca mais querer experimentar o amor novamente?”


 A história é narrada em primeira pessoa e alterna entre o presente que é narrado pela Tate e o passado pelo Miles. Eu gostaria de dizer que é só mais um livro, mas, no entanto, a história de superação e o poder do amor me deixaram encantada.  Ele claramente nos mostra que muitas vezes dá sem receber pode trazer o seu final felizes para sempre.

Você é sólido, eu sou líquido. Você é parte da água, eu sou seu despertar.



O final .... Own... o final tão perfeito de fazer você chorar, chorar e chorar... Meu coração ficou do tamanho de um botão. Quando Miles começa a narrar os fatos do presente e revelar suas emoções, eu simplesmente sinto o que ele sente choro quando ele chora. É uma dor muito palpável. É emocionante, profundo e sincero.  S-I-M-P-L-I-S-M-E-N-TE apaixonada nesse livro.





Xoxo 

20 comentários:

  1. Oie :)
    Doida pra ler esse livro e depois da sua resenha cheia de detalhes e super divertida já quero pra ontem...
    O que me quebra são as folhas brancas... Porque gente :(
    MAS essa semana vi o trailer do filme e fiquei tipo :O
    Quero mais ainda hahahah

    Abraço e Bons Livros,
    Biblioteca do Coração❤

    ResponderExcluir
  2. Oiiie,
    Esse livro está na minha lista de desejados e a partir dessa resenha quero ler logo.
    Adorei a resenha e o seu blog.
    Parabéns. Sucesso.

    Abraços e Beijos Literários.

    Amantes da Leitura

    ResponderExcluir
  3. Olá gatona,

    Sua resenha só reforçou ele na minha lista de Black Friday haha...quero ler muitos romances em dezembro, então esse vai ser lido em um dia haha.

    Beijocas!
    poesiaqueencantavida.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Sua resenha só aumentou ainda mais a minha vontade de ler o livro e colocou mais um na minha lista de comprar para sexta. Adorei a resenha, parabéns pelo blog!

    Beijos,
    http://quotesperdidos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Mas que resenha mais fofa! *-*
    Já fiquei super curiosa em conhecer o Miles e a Tate, mas tenho que admitir que achava que o nome Tate era nome masculino. O.o kkkkkkkk
    A história parece ser daquelas que nós faz viajar e ao mesmo tempo nos diverti e nos emociona. Mais um desejado na minha lista de livros!!! \o/

    Beijinhos e até logo!
    https://worldofmakebelieveblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Tenho muuuita vontade de ler esse livro. Tive duas experiências com a autora e adorei (Maybe Someday e Um caso perdido)
    Acho que ela tem o dom de nos fazer ficar presos à leitura. Incrível.
    Quero saber o final. Espero me apaixonar!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Puxa vida....eu não gosto muito de livros assim....mas esse parece diferente mesmo dos livros que já vi por aí com essa abordagem! E fiquei curiosa em saber o porque o cara tinha medo de amar.... E agora vou ter que ler!
    Parabéns pela sua resenha super leve e descontraída.
    Um abraço
    Camila Bernardini Coelho
    www.machosfera.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi
    Eu já li a trilogia Métrica da autora e não gostei muito. Agora estou com o pé atrás para ler outras coisas dela. Ultimamente está todo mundo falando bem desse livro, de repende dou uma segunda chance para a Colleen.

    Bju
    www.lelendolido.com.br

    ResponderExcluir
  9. Olá... tudo bem??
    Nossa... que fofa a sua resenha... me diverti durante toda a leitura dela... fora que se fala do livro de minha Diva das Divas né... adoro a Colleen... e estou louca para ler esse livro, mas coloquei na minha mente que primeiro vou terminar de ler a série Métrica que está parada aqui.... e preciso saber logo de seu desfecho ai com certeza eu parto para este livro.... adorei sabe a premissa dele e ver a sua empolgação na resenha... só me resta é segurar a minha ansiedade, porque você me deixou mais curiosa ainda... Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oie!
    Já ouvi falar bastante desse livro e foram pontos de vista bem divergentes.
    Eu nunca li nada da autora e devo dizer que essa história toda de segredo me deixa bem tentada a ler. Espero ter a oportunidade.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Eu já queria ler esse livro agora com sua resenha eu preciso dele. Nossa quanto sentimento hehe. Eu já fiz essas loucuras de ler um livro sem parar, mas esse é bem grandinho hehe. Gosto muito da autora e essa capa está linda demais. É claro que quero ler. Ah, amo um clichê heheh.

    ResponderExcluir
  12. Minha nossa! Gostei da resenha! Não tinha lido nada desse tipo e fiquei curiosa. E, se for pensar no mundo real, isso é bem possivel de acontecer... Ninguém tá livre de sofrer por amor e prometer não amar mais ninguém... e, de fato, dar sem receber pode nos trazer o felizes para sempre, basta tentar,pena que hj em dia as pessoas só pensam no que vão receber em troca, se não tiver nada, nem se aproximam...
    Curti a resenha. Bjks
    Hanna Carolina.

    ResponderExcluir
  13. Oie !!
    Ain que medo de ler esse livro e chorar, chorar, chorar!!
    Eu choro até com desenho animado, então eu choraria rios se o final for muito triste!!
    Esse é um livro que eu quero muito ler, mas estou esperando a hora dele sabe? Todo livro tem hora e a dele ainda não chegou, mas estou mesmo muito curiosa com a história!!
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  14. Esse foi o único livro da Colleen que li e não gostei, rs, e olha que já li todos que saíram por aqui! hehe... Então tenho que te dizer pra ler os outros, principalmente a série Um caso perdido! *-* Se você gostou tanto assim desse precisa dos outros! A história de superação e o poder do amor são mesmo coisas muito legais, mas me irritou um pouquinho a forma como as coisas aconteceram entre a Tate e o Miles. Prepare-se para conhecer as outras histórias da Colleen, porque se tem uma coisa que é certa é que ela sempre destroça o nosso coração.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  15. Oi, flor!
    Eu confesso que sinto um pouco de receio de ler esse livro e me decepcionar. Li resenhas opostas sobre a história… Apaixonadas como a sua e outras decepcionadas. Mesmo assim, mantive meu desejo em conhecer O Lado Feio do Amor, porque gosto de enredos românticos que (mesmo com alguns clichês) prometem nos surpreender um pouco. Além disso, acho que vou curtir a obra – talvez não tanto quanto você, mas não me vejo futuramente decepcionada (rs).

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Apesar da sua resenha (muito boa, por sinal!) cheia de entusiasmo pelo livro, ele não me despertou interesse. Ainda assim, encontrei alguns pontos positivos. Gostei da ideia de um personagem que foge dos esteriótipos, que não é o cafajeste padrão da maioria dos livros do gênero; gostei da sua humanidade, de ser alguém que sofre e que tem sentimentos. Também gostei da alternância entre os tempos passado e presente e entre os dois personagens narradores. Mas devo confessar que isso não foi suficiente para me despertar a vontade de ler o livro, ao menos não por enquanto.

    http://leituras-compartilhadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá! gente que resenha mais linda! quando um livro encanta a gente queremos logo contar a todo mundo né! Eu também quando me empolgo só faço ler. heheh Olha eu ainda... hehe ainda não li nada do Collen Hover mas ela está entre a minha lista de autres para conhecer. Já vi resenhas de outros livros e gostei e este que você resenhou me pareceu bem interessante! Guardando aqui para buscar depois.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  18. Eu estou louca para ler esse livro, pois além de amar a escrita da Colleen, só leio elogios sobre essa história. Quero muito conhecer esse casal e descobrir que final é esse que você tanto gostou. Parabéns pela resenha.

    Bjs, Glaucia.
    www.maisquelivros.com

    ResponderExcluir
  19. Ai, já me emocionei só de ler um pouco sobre a obra, imagina quando eu realmente ler? Esse livro está nos desejados, e espero ler em breve. Adoro chorar com as leituras, hahaha. História emocionante, pelo jeito vou ler em menos de dois dias também
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  20. Olá
    Aí eu adoro os livros da Colleen, são muito bem escritos e com histórias fofas. Estou curiosa com esse livro desde o lançamento. Mas quando vi que era folha branca me desanimei totalmente, nãos entendi como a editora pode fazer isso.. Mas enfim., sua resenha me deixou bem animada para ler e conhecer esses personagens.

    Beijos
    Lovesbooksandcupcakes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir